Home / Publicações / Notícias / Produção brasileira de café deve alcançar 44,77 milhões de sacas, de acordo com o 3º levantamento de produção da CONAB (2017/2018)

Produção brasileira de café deve alcançar 44,77 milhões de sacas, de acordo com o 3º levantamento de produção da CONAB (2017/2018)

Segundo os dados do 3º levantamento da safra brasileira de café (2017/2018), publicados nessa manhã pela CONAB,  a safra 2017 de café deverá atingir 44,77 milhões de sacas numa área total cultivada estimada em 2,21 milhões de hectares, sendo 345,19 mil hectares em formação e 1,86 milhão de hectares em produção.

A produção de arábica deve chegar a 34,07 milhões de sacas,  em razão da bienalidade negativa na maior parte dos estados produtores. A área relativa a esta cultura será de 1,78 milhão de hectares, sendo 299,83 mil hectares em formação (16,8%) e 1,48 milhão de hectares em produção (83,2%).

Já a produção do conilon é estimada em 10,71 milhões de sacas numa área destinada a essa cultura de 427 mil hectares, sendo 45,35 mil hectares em formação (10,6%) e 381,62 mil hectares em produção (89,4%).

Em Minas Gerais, a produção de café deverá ser 20,7% menor do que na safra 2016, com expectativa da colheita de 24,04 milhões de sacas de arábica e 334,1 mil sacas de conilon, totalizando 24,38 milhões de sacas.

No Espírito Santo, a queda na produção total deve ser de 1,5% por causa das condições climáticas desfavoráveis atravessadas pelas lavouras de conilon em 2016 e a falta de mudas para plantio. Segundo o levantamento, o estado capixaba deve produzir 5,9 milhões de sacas de conilon e 2,9 milhões de sacas de arábica, resultando no total de 8,8 milhões de sacas.

2017-09-21T13:05:03+00:00 21 de setembro de 2017|Seção: Notícias, Publicações|

Deixe um comentário